Movimento - Alimento - Pensamento

Movimento: para começar essa jornada rumo à criação da sua saúde, não custa lembrar, o sedentarismo pode levar ao surgimento de inúmeras doenças. Uma pesquisa feita na china com 417 mil pessoas mostrou que o grau de atividade física é inversamente proporcional ao risco de morte. Ou seja, quanto mais exercícios físicos você faz, menos chance tem de morrer. Nem todo mundo, porém, gosta de frequentar academias. Por sinal, me incluo neste grupo. Que tal se movimentar mais no dia a dia? A palavra chave é “desconveniência”, movimento que está crescendo no planeta. Lembro que quando eu tinha carro, buscava sempre o local mais perto para estacionar – a danada conveniência em cena! Para fugir disso e se juntar ao movimento, você pode subir escadas, evitar ficar muito tempo sentado, fazer reuniões ao caminhar, deixar o carro na garagem, limpar a casa, praticar jardinagem e assim por diante. Como falei antes, eu optei por fazer quase tudo a pé.

[1] Wen CP, Wai JP, Tsai MK, Yang YC, Cheng TY, Lee MC, Chan HT, Tsao CK, Tsai SP, Wu X. Minimum amount of physical activity for reduced mortality and extended life expectancy: a prospective cohort study. Lancet. 2011 Oct 1;378(9798):1244-53#exerciciofisico